Descubra, Experimental

A belíssima música instrumental de Rasura

ruido-mm

Certas bandas têm o poder mágico de guiar o ouvinte a diferentes espaços e estados de espírito por meio de sua música. São bandas que em seu vasto e abrangente Universo musical nos permitem entrar em contato com sua obra genuína e sincera. Bandas como essas nos cativam com sua sonoridade única e encantam com sua habilidade fora do comum de tecer melodias e harmonias singelas e memoráveis. Uma dessas bandas é a ruído/mm, que apresenta em seu álbum Rasura sua belíssima música instrumental de maneira formidável.

????????????????????????????????

Cada uma das oito canções deste álbum traz uma proposta diferente. Cada um desses oito temas instrumentais têm o maravilhoso poder de transportar o ouvinte para seu próprio cantinho no Universo musical da banda, onde nos dá a bênção de entrar em contato com tal musicalidade tão bela. “Belo”… talvez seja esse o mais oportuno e sincero adjetivo para descrever o que ouvimos aqui.

Ao escutarmos a faixa de abertura, “Bandon”, logo nos sentimos teletransportados à realidade paralela de um filme de Sci-Fi. Os instrumentos juntos nos levam a lugares distantes dentro de nosso próprio imaginário. Junta aos outros instrumentos, a guitarra clean toma o lugar de protagonista, dando forma a uma atmosfera densa e confortante. Já “Eletrostática” encanta com seu dinamismo ao variar entre momentos de altos e baixos, delicados e explosivos. Os teclados predominam nos momentos calmos e as guitarras nos momentos explosivos. Quando coabitam, muito agradam.

“Cromaqui” vem logo em seguida com sua sonoridade moderna que muito nos faz lembrar do indie e do rock alternativo. É uma canção cheia de vivacidade e rock’n’roll. Uma pena que seja tão curta! Já “Transibéria” é uma das melhores faixas do álbum. Com suas diversas camadas sonoras sobrepostas, tecidas e moldadas com exuberante destreza, nos arrebata e conquista nossos corações. Esta é uma obra belíssima, tocante, riquíssima em sua simplicidade.

“Filete” também tem seu lugar cativo entre as mais interessantes faixas desse álbum. Nela as guitarras sobrepostas, sempre certeiras, acertam em cheio com suas variações, seus fills e solos. Os teclados também estão lá para dar seu toque a essa poção mágica. O baixo, mesmo que tímido, junto à bateria na cozinha serve de alicerce a essa envolvente canção. “Requiem For a Western Manga” nos transporta diretamente para a dimensão cinematográfica de um Western Spaghetti de Sergio Leone. Sem dúvida este é o auge de todo Rasura. Como se contasse uma história, nos arremata e cativa em seus 10min de duração.

A grande conquista da ruído/mm em Rasura foi conseguir tecer ao longo dessas oito faixas uma música instrumental marcante, dinâmica e que em momento algum soa maçante – e é nisso que muitos músicos gabaritados que se aventuram pelo música instrumental pecam, sempre acabam maçantes. A surpresa final fica pela faixa de encerramento do álbum, pulsante e emocionante. A banda cria seu próprio Universo musical e nos convida para um agradável passeio. Ao beber de diversas fontes de inspiração, a banda tece uma musicalidade multifacetada e entrega um trabalho ousado e de tirar o fôlego. Nota? 5/5

Anúncios
Padrão

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s