Listas O Sessentista

Os 50 melhores álbuns de 2015, por O Sessentista

E então chegou o final de ano, essa época em que aproveitamos para relembrar tudo o que aconteceu de relevante desde Janeiro até este mês de Dezembro. No que diz respeito à música, essa época nos trás as tão esperadas – e criticáveis – listas das revistas e blogs grandes de melhores lançamentos do ano. É claro que O Sessentista não ficaria de fora. Assim, pedi ajuda ao amigo Emanuel Borges (de Macuco-RJ para o mundo) e juntos elaboramos esta lista com 50 nomes que representam o que de melhor aconteceu em 2015, na nossa opinião.

Foi um ano de grande produtividade e alta qualidade tanto nacional quanto internacionalmente. À medida que os meses vinham e iam, novos nomes surgiram e nomes conhecidos vieram reafirmar seu status; novos álbuns lançaram e afirmaram tendências. Alguns nomes aqui citados com certeza marcarão época, como o genial “To Pimp a Butterfly”, de Kendrick Lamar, que talvez seja o grande artista de nossa geração. Tivemos bons lançamentos em diversos gêneros e tentamos demonstrar isto por meio de uma lista bem diversificada e o mais abrangente possível.

Enfim, sigamos para o que realmente interessa: a famigerada lista Continuar lendo

Anúncios
Padrão
Indie, Música Brasileira

O turbilhão de sentimentos do Agreste de Troco em Bala

É o ato constante de apaixonar-nos por novas sonoridades e melodias que faz com que se renove em nós o encanto pela música e o desejo pela novidade. O desejo pela novidade faz com que a busquemos cada mais, ampliando nosso conhecimento, reinventando nosso gosto. Dentre as minhas tantas descobertas recentes, a banda Troco em Bala foi a que mais me marcou. Foi bem difícil não me encantar por seu debut Agreste desde a primeira vez que o ouvi e foi ainda mais difícil parar de ouvi-lo depois quando passei a senti-lo. É dele que falarei hoje. Continuar lendo

Padrão